AP Photo/Pablo Martinez Monsivais
AP Photo/Pablo Martinez Monsivais

Em primeiro dia de governo, Trump tem reuniões com Congresso, empresários e sindicatos

Novo presidente americano recebe nesta segunda-feira, seu primeiro dia útil à frente do país, líderes empresariais, sindicais, trabalhadores e congressistas; ele deve usar sua 1ª semana no cargo para desfazer medidas implementadas por Obama

O Estado de S. Paulo

23 Janeiro 2017 | 12h11

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem uma agenda recheada de reuniões nesta segunda-feira, 23, seu primeiro dia cheio de trabalho na Casa Branca.

O republicano toma café da manhã com líderes empresariais na primeira parte do dia, depois se reúne com líderes sindicais e trabalhadores durante a tarde. À noite, ele recebe congressistas, entre eles o presidente da Câmara, Paul Ryan, para discutir as mudanças no serviço de saúde pública americano.

Os encontros sugerem que o novo presidente quer se manter aberto a sugestões e acontecem após um final de semana tumultuado, em que ele foi alvo de protestos massivos em Washington e outras cidades do país e voltou a criticar a imprensa por relatar incorretamente, na opinião de Trump, o número de presentes em sua cerimônia de posse.

Reince Priebus, chefe da gabinete da Casa Branca, afirmou no domingo à Fox News Sunday que o presidente vai usar sua primeira semana no governo para desfazer parte das medidas implementadas por seu antecessor, Barack Obama, bem como assinar decretos presidenciais sobre imigração e comércio. Alguns deles podem acontecer já nesta semana. / AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.