Primeiro-ministro submete gabinete à aprovação do rei da Tailândia

O novo primeiro-ministro interino da Tailândia submeteu seu gabinete pós-golpe à aprovação do rei Bhumibol Adulyadej e espera revelar ao público quem serão seus ministros assim que o monarca endossar seu governo, anunciou um porta-voz neste domingo.O primeiro-ministro Surayud Chulanont, indicado por uma junta militar depois do golpe palaciano de 19 de setembro que afastou Thaksin Shinawatra da chefia de governo, enviou a composição de seu ministério à casa real na sexta-feira, disse Yongyuth Maiyalarb, porta-voz do governo provisório."Estamos à espera de que sua majestade endosse a lista de ministros, disse Yongyuth à Associated Press.De acordo com ele, porém, ainda não se sabe quando o rei Bhumipol anunciará sua decisão. Mas o porta-voz assegurou que a composição do gabinete será anunciada ao público "imediatamente após" sua aprovação pelo rei.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.