John Stillwell/Reuters
John Stillwell/Reuters

Príncipe Harry volta ao Afeganistão como militar britânico

Neto de Elizabeth II atuará como operador de helicóptero na província de Helmand

Reuters

07 de setembro de 2012 | 13h51

LONDRES - O príncipe Harry voltou ao Afeganistão para pilotar helicópteros de ataque duas semanas depois virem à tona fotos em que ele aparece nu em Las Vegas.

 

O Ministério da Defesa da Grã-Bretanha disse na sexta-feira, 7, que o neto da rainha Elizabeth II passará quatro meses na província de Helmand, uma das mais voláteis do Afeganistão, país onde desde 2001 os britânicos lutam ao lado dos norte-americanos contra o Taleban. "Ele estará em uma tarefa difícil e exigente", declarou o tenente-coronel Tom de la Rue em nota.

O príncipe, conhecido nas Forças Armadas como capitão Wales, serviu inicialmente no Afeganistão em 2008, como controlador aéreo em terra. A missão foi encurtada após a imprensa internacional ter divulgado onde ele estava e colocado em risco a integridade física dele.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.