Principe herdeiro mata família no Nepal

Um tiroteio ocorrido nesta sexta-feira no palácio real Narayanhiti provocou a morte de novemembros da família real nepalesa, inclusive o rei e a rainha,informaram fontes militares. De acordo com as mesmas fontes, o príncipe herdeiro Dipendra,de 30 anos, abriu fogo contra todos os membros da família real,entre os quais o rei Birendra, a rainha Aiswarya e o príncipeNirajan. Ele suicidou-se em seguida. O tiroteio foi causado por uma disputa relacionada aocasamento do príncipe, pois sua mãe, a rainha, aparentemente eracontra a noiva escolhida por ele, comentaram as fontes. O príncipe herdeiro formou-se no Eton College, na Inglaterra.O rei Birendra, monarca constitucional, foi despojado do poderem 1990 por um movimento popular. Outros detalhes não estavam imediatamente disponíveis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.