Príncipe William e esposa, a duquesa de Cambridge, adiam lua de mel

Príncipe William e esposa, a duquesa de Cambridge, adiam lua de mel

O casal deve passar o fim de semana no país; detalhes da lua de mel ainda não foram revelados

BBC Brasil, BBC

30 de abril de 2011 | 17h24

 

LONDRES - O novo duque e a nova duquesa de Cambridge decidiram não viajar em lua de mel imediatamente, segundo um porta-voz do casal. Os recém-casados deixaram o palácio de Buckingham na manhã deste sábado, 30, de helicóptero. Eles passarão o fim de semana na Grã-Bretanha, antes de o príncipe William retornar a suas atividades como piloto da Força Aérea Real britânica, na próxima semana.

 

Veja também:

blog RADAR GLOBAL: O casamento minuto a minuto

mais imagens GALERIA: Imagens da cerimônia do casamento

especialESPECIAL: Todos os detalhes do casamento real 

De acordo com o porta-voz, a lua de mel acontecerá em outro país, ainda este ano. No entanto, os detalhes da viagem não foram divulgados. O príncipe William e Kate Middleton, a duquesa de Cambridge, pediram que a imprensa respeite a privacidade do casal durante sua lua de mel.

 

O pedido foi feito após as celebrações do casamento real, que terminaram com uma festa de gala para 300 pessoas no palácio de Buckingham, com direito a jantar e pista de dança.

Na manhã de sexta-feira, a cerimônia religiosa na abadia de Westminster foi assistida por centenas de milhões de pessoas pela televisão ou pela internet ao redor do mundo e atraiu quase um milhão de pessoas às ruas de Londres.

Comemoração

Após a recepção da tarde para 650 convidados oferecida pela rainha, a noiva reapareceu à noite com um vestido longo de cetim branco, também desenhado por Sarah Burton, da grife Alexander McQueen, e um bolero branco de angorá.

Durante o evento para 300 convidados, estavam previstos discursos do padrinho, príncipe Harry, e do pai da noiva, Michael Middleton. Os últimos convidados teriam deixado o palácio às 3 da manhã de sábado.

 

'Equilíbrio'

O porta-voz de Clarence House, a residência oficial dos príncipes em Londres, Paddy Harverson disse à BBC acreditar que William e Kate podem voltar a ter uma vida relativamente privada em Anglesey, no País de Gales, apesar de todo o espetáculo público do casamento.

"O mais importante é que ele não é o primeiro na linha de sucessão ao trono, mas o segundo, e ele não é um integrante da realeza em tempo integral, ele é um piloto com um emprego normal na equipe de resgate da força aérea", disse ele.

"Ele estará fazendo isso (seu trabalho) a maior parte do tempo e ela, como sua esposa, estará com ele, então neste sentido a casa deles, o lugar natural para eles estarem é o País de Gales. E eu acho que as pessoas vão entender isso".

 

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.