Prisioneiros palestinos fazem greve de fome

Um grupo de prisioneiros palestinos iniciaram uma greve de fome neste domingo, no que parece ser a pior crise entre réus e autoridades israelenses desde o início dos conflitos mais recentes, em 2000. Os prisioneiros exigem mais visitas e telefonemas, mas o ministro de Gabinete israelense disse que prefere deixá-los morrer de fome. As autoridades da prisão impuseram mais sanções aos presos.Israelenses lançam mísseis em GazaNesta segunda-feira, helicópteros de Israel lançaram quatro mísseis no norte da Faixa de Gaza, próximo à fronteira israelense. Médicos palestinos disseram que duas pessoas morreram no ataque. Fontes militares de Israel, que pediram para não ser identificadas, disseram que os soldados localizaram militantes que preparavam um lançador de morteiros e os helicópteros os atacaram.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.