Problema na aviação dos EUA foi causado por avião U-2

Os problemas com o tráfego aéreo no oeste dos EUA na semana passada foram ocasionados por um plano de voo problemático de uma aeronave de espionagem da Força Aérea, o U-2, afirmou a Administração Federal de Aviação.

AE, Agência Estado

06 Maio 2014 | 01h18

Em comunicado, a agência confirmou que os computadores de controle de tráfego aéreo enfrentaram problemas enquanto processavam o plano de voo do U-2, que pode voar a uma altura de até 70 mil pés. Os computadores erroneamente perceberam a alta altitude do plano de voo como se fosse uma operação típica de baixa altitude.

Quando um mecanismo automático do sistema tentou computar rotas com o objetivo de evitar colisões com outras aeronaves de baixa altitude, grandes quantidades de memória disponível dos computadores foram usadas e interromperam outras funções de processamento de voo, explicou a FAA.

O sistema caiu por cerca de uma hora, forçando a unidade regional de controle da FAA no Sul da Califórnia a temporariamente recusar aeronaves.

A agência informou que ajustou o sistema e que está confiante que o reparo irá evitar a ocorrência de um erro similar. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Eua aviação problema

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.