Procurador-geral pede a Chávez que reassuma presidência

O procurador-geral da Venezuela, Isaías Rodríguez, solicitou que o deposto presidente Hugo Chávez seja conduzido a Caracas para reassumir o poder, enquanto seus ministros se encontram reunidos no Palácio Miraflores."Estamos solicitando que tragam o presidente Chávez a Caracas para que reassuma", disse Rodríguez à cadeia colombiana Caracol, que transmite através de um repórter que está dentro do palácio na capital venezuelana.Rodríguez afirmou que o empresário Pedro Carmona "pretendeu maquilar um golpe de Estado com este governo de transição". O presidente da Assembléia Nacional (Congresso), William Lara, explicou à rádio Caracol que estão sendo feitos os preparativos para a posse do vice-presidente, Diosdado Cabello, que - segundo o parlamentar - se havia escondido em um local distante da capital no período em que Carmona esteve no poder.Por sua vez, a ministra chavista do meio Ambiente, Ana Osorio, disse à rádio: "Resgatamos o Palácio de Miraflores".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.