Doug Mills/ The New York Times
Doug Mills/ The New York Times

Procuradores intimam comitê que organizou posse de Trump a apresentar documentos

Desde o ano passado, investigadores apuram eventuais gastos irregulares no evento e se doadores fizeram contribuições em troca de favores políticos

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de fevereiro de 2019 | 04h41

Procuradores federais em Nova York intimaram nesta segunda-feira, 4, o comitê que cuidou da cerimônia de posse do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em 2017, a apresentar documentos. Os investigadores não revelaram que tipo de informação estão buscando junto à entidade.

Uma porta-voz confirmou que a intimação foi recebida e informou que o comitê pretende colaborar com a investigação.

No ano passado, o Wall Street Journal revelou que procuradores estavam investigando se doadores do comitê fizeram as contribuições em troca de favores políticos. Também havia uma apuração sobre eventuais gastos irregulares na cerimônia de posse.

Recentemente, o New York Times informou que investigadores estavam buscando informações sobre eventuais doações ilegais com origem no Catar, na Arábia Saudita e em outros países do Oriente Médio. / AP.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.