Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Produção de gás natural na China sobe 23,1% em 2007

Crescimento impulsiona a redução da dependência do carvão,considerado altamente contaminante

Efe

08 de fevereiro de 2008 | 02h13

A produção de gás natural na China cresceu 23,1% em 2007, para 69,31 bilhões de metros cúbicos, informou nesta sexta-feira a Associação Chinesa do Petróleo e da Indústria Química (CPCIA, em inglês). Os produtores assinalaram que o aumento foi de quase quatro pontos em relação a 2006 (quando subiu 19,2%), e acreditam que para 2008 a extração chegará a 76 bilhões de metros cúbicos. O Governo chinês quer dar mais importância ao gás natural como fonte de energia para sua economia, a fim de reduzir sua dependência do carvão, altamente contaminante e cuja extração em minas mata milhares de trabalhadores em acidentes por ano. O gigante asiático pretende extrair de suas jazidas 94 bilhões de metros cúbicos de gás natural em 2010, frente aos 58 bilhões de 2006. O objetivo é que o gás natural alcance uma parcela de consumo de 5,3% sobre o total de combustíveis em 2010, contra 2,8% em 2005. Para isso, começará a construção do segundo gasoduto que cruzará o país de leste a oeste e que transferirá o gás dos poços da Ásia Central até as regiões litorâneas da China. Este segundo gasoduto que deve começar a operar em 2010.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinagás naturalcrescimento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.