Promotores dos EUA tentam barrar lei que aumenta poluição

Um grupo de 14 promotores públicos dos Estados Unidos entrou hoje com uma ação na Justiça americana com o objetivo de impedir a implementação de uma regulamentação do governo que, segundo eles, resultará no aumento da emissão de poluentes pelas indústrias do país. Quatorze Estados e diversas cidades - Nova York, Washington e São Francisco entre elas - tentam reverter na Justiça uma ordem da Agência de Proteção Ambiental (APA) dos EUA antes que ela entre em vigor em 26 de dezembro. Eles querem revisar o abrandamento da Lei do Ar Limpo. Segundo a nova ordem da APA, complexos industriais mais antigos, refinarias e indústrias podem se modernizar sem instalarem medidas de controle da poluição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.