Promotoria acusa 6 por associação terrorista

A Promotoria da Bélgica acusou ontem de "associação a organização terrorista" cinco homens e uma mulher detidos em uma operação preventiva no dia anterior. A polícia belga prendeu na quinta-feira 14 pessoas que estaria planejando um ataque suicida. Segundo um porta-voz da Justiça, os acusados pertencem ao alto escalão do grupo terrorista Al-Qaeda e vão permanecer em custódia até serem julgados. Entre os acusados está a belga de origem marroquina Malika el-Aroud, 48 anos. Viúva de um homem-bomba, ela tornou-se uma blogueira conhecida por pregar a jihad.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.