Promotoria ameaça prender quem protestar

A promotoria venezuelana anunciou ontem que aqueles que protestarem de forma "abusiva" serão processados sob a acusação de "rebelião civil". "Algumas pessoas protestam por qualquer motivo com o objetivo de desestabilizar o governo", disse a promotora-geral da Venezuela, Luisa Ortega.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.