Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Prostitutas indianas comemoram Dia Internacional da Mulher

Manifestação pede melhores condições de saúde e um melhor futuro para filhos

Efe,

08 de março de 2008 | 12h46

Centenas de prostitutas da região indiana de Tamil Nadu (sul) se reuniram hoje na cidade de Chennai para comemorar o Dia Internacional da Mulher, informou a agência indiana "Ians". "Como mulheres, temos os mesmos sentimentos que qualquer outra pessoa. Este dia nos ajuda a entender nossa responsabilidade de conscientizar outras mulheres da prevenção da Aids", disse à agência a garota de programa Rajeswari. As prostitutas chegaram à cidade de Chennai em um ato organizado pela Iniciativa de Tamil Nadu Contra a Aids (TAI, sigla em inglês) e sob o lema "Pedir melhor saúde e um melhor futuro para nossos filhos". A TAI trabalha para reduzir a violência e o assédio sofrido por prostitutas, assim como para encontrar modos de aumentar sua renda. "No Dia da Mulher, essas mulheres expressaram um desejo: não envolver seus filhos no trabalho sexual", disse a diretora do projeto, Lakshmi Bai. O programa da TAI alcançou 35 mil mulheres em 13 distritos da região de Tamil Nadu, que já têm acesso gratuito à saúde, cuidados psiquiátricos, programas de desintoxicação e apoio na luta contra a Aids. "Uma iniciativa-chave é incentivá-las a ser mães, a se reunir e falar dos desafios coletivos que enfrentam, e se comprometer a agir para receber uma educação de qualidade", disse Bai. Um de seus objetivos é impedir o tráfico sexual de mulheres, acrescentou. "Nossa auto-estima aumenta quando nos reunimos com outras mulheres como nós. Construímos confiança e aprendemos com os demais", disse Jayarani, outra prostituta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.