Protesto deixa 3 mortos no sul, diz morador

Forças de segurança sírias mataram a tiros três pessoas em Deraa, no sul, ontem, disse um morador na região, no primeiro confronto ocorrido na Síria desde o início da onda de insurreições no mundo árabe. Os manifestantes participavam de um protesto pacífico exigindo liberdade política e o fim da corrupção no país, que há quase meio século é governado sob leis de emergência pelo Partido Baath, do presidente Bashar al-Assad.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.