Protesto no Peru termina com 15 pessoas presas

Policiais peruanos armados com bombas de gás lacrimogêneo e cassetetes interromperam a marcha de milhares de manifestantes que protestavam contra o presidente, Ollanta Humala, e a classe política do país, considerada por eles como inepta e corrupta. O chefe da polícia do país informou que 15 pessoas foram presas durante a agitação deste sábado.

Agência Estado

27 de julho de 2013 | 19h49

Foi a quarta e maior manifestação popular deste mês em Lima, um dia antes do dia da independência do Peru, quando Humala fará um pronunciamento à nação. O índice de aprovação de Humala está agora em 33%, nível mais baixo desde que assumiu o cargo. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Peruprotestopresos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.