Protesto no sul do Líbano reúne 3 mil

Cerca de três mil manifestantes, libaneses e palestinos, realizaram ontem protestos no sul do Líbano, próximo da fronteira com Israel, contra a ofensiva na Faixa de Gaza. Em Lahore, no Paquistão, bonecos do presidente dos EUA, George W. Bush, e bandeiras israelenses foram queimadas. Em apoio à ação de Israel em Gaza, centenas de manifestantes saíram às ruas de Nova York e Viena.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.