Putin diz que retirou tropas da fronteira com a Ucrânia

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que as tropas do seu país deixaram nesta quarta-feira as regiões na fronteira com a Ucrânia.

MATEUS FAGUNDES, Agência Estado

07 Maio 2014 | 12h40

Segundo a agência russa Interfax, as tropas foram retiradas da fronteira e agora se encontram na zona de "exercícios regulares".

"Falou-se muito das tropas russas aquarteladas perto da fronteira, agora acabamos de retirá-las para seus respectivos polígonos", afirmou Putin, em entrevista coletiva após a conversa com o presidente da Suíça e da OCDE, Didier Burkhalter.

"Isto pode ser verificado com muita facilidade por meios modernos de reconhecimento, incluindo a observação espacial", disse o presidente.

Observadores internacionais e potências ocidentais acusam o presidente da Rússia de manter tropas na fronteira com a Ucrânia e apoiar os insurgentes do leste e do sul do país com o objetivo de desestabilizar o governo interino de Kiev. (com informações da Associated Press)

Mais conteúdo sobre:
Rússia Ucrânia Putin

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.