Putin saúda líderes mundiais em São Petersburgo

O presidente Vladimir Putin recebeu hoje chefes de Estado e de governo de três continentes na antiga capital do Império Russo, São Petersburgo, que comemora 300 anos de fundação. Natural da cidade, criada pelo czar Pedro, o Grande, para ser uma janela para o Ocidente, Putin aproveita a celebração para promover o papel da Rússia como uma das pedras fundamentais da comunidade internacional e devolver a São Petersburgo um pouco da antiga glória, perdida durante o regime comunista.O líder russo, um entusiasta do judô, deu início aos três dias de reuniões de alto escalão visitando uma escola de artes marciais ao lado do primeiro-ministro japonês, Junichiro Koizumi. Depois, Putin participou de uma reunião informal da Comunidade de Estados Independentes, uma organização formada por 12 ex-repúblicas soviéticas, a bordo de um navio no majestoso Rio Neva.Enquanto isso, líderes mundiais chegam à cidade num fluxo contínuo. Ao longo do final de semana, Putin terá reuniões com líderes de 14 dos 15 países da União Européia; com dez países-candidatos à UE; e com o presidente dos EUA, George W. Bush. E, ainda nesta sexta-feira, o presidente russo deve se encontrar com o primeiro-ministro da Índia, Atal Bihari Vajpayee.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.