Ahn Young-joon/AP Photo
Ahn Young-joon/AP Photo

Pyongyang ameaça ataque preventivo contra forças de Seul e Washington

Coreia do Norte suspeita que exercícios militares feitos pelo Sul e por Washington são testes para invasão de seu território

O Estado de S.Paulo

26 de março de 2017 | 06h03

SEUL - A Coreia do Norte ameaçou neste domingo, 26, fazer um ataque preventivo no caso de detectar qualquer risco nas manobras militares que a Coreia do Sul e os Estados Unidos realizam em território controlado por Seul.

"Esmagaremos sem piedade os avanços inimigos com nossas operações especiais e ataques preventivos", disse o comunicado do Exército norte-coreano, lido na TV estatal. "Não seguiremos sendo espectadores passivos e podemos atacar sem aviso prévio e quando melhor nos convier."

As tropas de Seul e Washington realizaram recentemente várias simulações em caso de conflito com Pyongyang, no marco de suas manobras militares anuais de combate simulado. Foi o maior exercício de guerra entre os aliados.

O regime de Kim Jong-un considera que estas simulações são exercícios para invasão de seu território. A relação entre Pyongyang e o Ocidente piorou desde que a Coreia do Norte lançou quatro mísseis de médio alcance em 6 de março. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.