Pyongyang dá sinais de aproximação a Hillary

O presidente norte-coreano, Kim Yong-nam, disse ontem estar disposto a melhorar as relações com os países "amistosos". A declaração foi feita no dia em que a secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, iniciou sua primeira viagem ao exterior - um giro quatro por países asiáticos. O anúncio foi recebido como bom sinal pelos EUA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.