Pyongyang diz que 'nunca' abandonará arsenal nuclear

O vice-ministro das Relações Exteriores da Coreia do Norte, Pak Kil Yon, afirmou hoje que o país pretende fortalecer seu arsenal nuclear. Falando na Assembleia Geral das Organização das Nações Unidas (ONU), a autoridade afirmou que Pyongyang nunca abandonará esse arsenal. Pak atribuiu a postura de seu país à presença de navios nucleares de guerra dos Estados Unidos em áreas próximas da Coreia do Norte.

AE, Agência Estado

29 de setembro de 2010 | 15h54

A tensão regional cresceu nos últimos meses após o naufrágio de um navio sul-coreano ocorrido este ano. Seul afirma que os norte-coreanos provocaram o naufrágio, mas o governo norte-coreano nega. "Enquanto os porta-aviões dos EUA navegarem em torno dos mares de nosso país, nosso arsenal nuclear nunca será abandonado, mas deve ser mais fortalecido", afirmou Pak. "Essa é a lição que nós aprendemos." As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Coreia do NortenuclearEUAONU

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.