Pyongyang pede a Seul 300 mil toneladas de adubo

O governo de Pyongyang pediu nesta quarta-feira, 7, a Seul o envio de 300 mil toneladas de adubo poucos dias depois de as duas Coréias decidirem retomar a ajuda humanitária, informou nesta quarta o Ministério da Unificação sul-coreano.O pedido norte-coreano foi feito por meio de um fax enviado ao presidente da Cruz Vermelha sul-coreana, Han Wan-sang, pelo responsável pela instituição na Coréia do Norte, Chang Chae-on.O porta-voz do ministério sul-coreano, Yang Chang-seok, acrescentou que se espera iniciar o envio a partir do final de março após uma decisão que será tomada em reunião do governo.Seul calcula que serão necessários US$ 316 milhões para poder enviar 300 mil toneladas de adubo, que demorarão três meses para ser transportadas.As duas Coréias retomaram no final de fevereiro suas relações bilaterais após sete meses de bloqueio devido ao lançamento de mísseis e ao teste nuclear realizados por Pyongyang.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.