Quatro pessoas morrem em ataque aéreo no Paquistão

Canal informa que autoria do ataque com mísseis é de avião não-tripulado dos EUA

Efe,

26 de junho de 2010 | 06h49

Pelo menos quatro pessoas morreram neste sábado, 26, em novo ataque com mísseis lançados por um avião não-tripulado dos EUA na região tribal paquistanesa do Waziristão do Norte, informou o canal Express TV.

A ação teve como alvo uma casa ocupada por insurgentes do distrito de Mir Ali da demarcação, situada na fronteira com o Afeganistão, segundo o Express, que não identificou suas fontes.

Desde 2008 foram registrados cerca de 130 ataques com mísseis dos EUA nas áreas tribais, um terço dos mesmos neste ano e a grande maioria na mesma demarcação atacada neste sábado.

A região é um refúgio tradicional de facções talebans paquistanesas e afegãs, e também de membros da rede terrorista internacional Al-Qaeda.

O Waziristão do Norte é a única região do cinto tribal da fronteira com o Afeganistão onde o Exército paquistanês não realiza atualmente uma operação contra os talebans, embora os analistas acreditem que o comando militar, pressionado pelos EUA, iniciará uma campanha nos próximos meses.

Tudo o que sabemos sobre:
PaquistãoEstados Unidosataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.