Quatro soldados indianos são mortos na Caxemira

Quatro soldados indianos foram mortos e quatro ficaram feridos num tiroteio de artilharia entre forças indianas e paquistanesas na região de Machil, distrito de Kupwara, no norte da Caxemira, informou a polícia neste sábado. O tiroteio ocorreu na sexta-feira à noite na linha de controle, que separa a parte indiana e paquistanesa da província (onde os muçulmanos constituem a maioria da população). A linha de controle é uma verdadeira fronteira entre os dois setores desta região dos Himalaias. Depois de uma certa tranqüilidade no mês de julho, as trocas de tiros entre os exércitos concentrados na fronteira voltaram a acontecer no início da semana. O ministro da Defesa indiano, George Fernendes, visita neste domingo a Caxemira controlada pela Índia.

Agencia Estado,

03 Agosto 2002 | 19h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.