Queda de avião pequeno reforça medo de arma química

A queda de um pequeno avião civil, aparentemente vindo do Iraque, em uma área próxima da fronteira do Kuwait com o território iraquiano, reforçou o temor de que os iraquianos estejam transformando aviões pequenas em naves não-tripuladas para transportarem armas químicas ou biológicas, segundo a rede de TV CNN. O avião, que seria do modelo Cessna, caiu perto de um grupamento dos Mariners dos EUA.Veja o especial:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.