Queda de helicóptero civil deixa 16 mortos no Afeganistão

Dezesseis pessoas morreram na queda de um helicóptero civil no leste do Afeganistão,confirmaram nesta quinta-feira fontes militares. A porta-voz da coalizão militar liderada pelos Estados Unidos no país, tenente Tamara Lawrence, disse que os 16 passageiros do helicóptero que caiu na quarta-feira, na província de Khost, morreram naHora. Lawrence acrescentou que as tropas recolheram os corpos de 12 vítimas e estão buscando os restos dos outros quatro. Luke Knittig, porta-voz da Força Internacional de Assistência àSegurança no Afeganistão (Isaf), confirmou que dois dos passageiros eram soldados da Isaf. Mas não revelou seus nomes nem nacionalidades. A imprensa local também afirmou que pelo menos dois cidadãos americanos estavam no helicóptero. Mas o dado ainda não foi confirmado por fontes oficiais. O aparelho, um Mi-8 de fabricação russa, de propriedade do governo afegão, caiu numa região montanhosa cerca de 40 quilômetros a nordeste da cidade de Khost, capital da província do mesmo nome. Ainda não foi informada a causa do acidente. Existe a possibilidade de um ataque, já que insurgentes talebans atuam na região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.