Queda de ponte mata pelo menos quatro no Paquistão

Equipe de resgate afirma que ainda há vários veículos sob os escombros da ponte, inaugurada há um mês

Efe

01 de setembro de 2007 | 15h03

Pelo menos quatro pessoas morreram e mais de 12 ficaram feridas na queda de parte de uma ponte na cidade de Karachi, a maior do Paquistão, informou a emissora paquistanesa Geo TV. Equipes de resgate já resgataram quatro corpos, segundo uma fonte policial, que acrescentou que ainda há vários veículos presos entre os escombros. A ponte, localizada em Sher Shah, no oeste da cidade, tinha sido inaugurada há menos de um mês. As causas da queda, ocorrida num momento de grande fluxo de veículos, ainda não foram determinadas. "Ouviu-se um barulho tão forte que pensamos que fosse um terremoto", disse um dos moradores do local, Zahid Khan, à Geo TV. Além de ambulâncias e equipes de resgate, guindastes foram enviados ao para o local a ajudar na retirada dos pesados blocos de concreto que desabaram. A ponte, construída por uma empreiteira estatal, foi inaugurada pelo presidente Pervez Musharraf no dia 6. O primeiro-ministro do país, Shaukat Aziz, anunciou a abertura de uma investigação para determinar as causas da queda.

Tudo o que sabemos sobre:
PAQUISTAOVIADUTO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.