Queda de ponte na Índia deixa ao menos 9 mortos, diz polícia

Construção desabou enquanto cerca de 50 operários trabalhavam perto da cidade de Kota, no oeste do país

Associated Press e Efe,

25 de dezembro de 2009 | 12h02

Nove pessoas morreram e aproximadamente 35 podem estar presas sob os escombros após uma ponte em construção cair no oeste da Índia, informou nesta sexta-feira, 25, a polícia. Pelo menos cinco pessoas ficaram feridas no acidente ocorrido ontem perto da cidade de Kota, a 270 quilômetros a oeste da capital estadual Jaipur, disse Rajeev Dasot, inspetor-geral da polícia na área.

Aproximadamente 48 operários trabalhavam na ponte sobre o rio Chambal quando ela ruiu. Mais de 30 estão desaparecidos, e teme-se que muitos estejam presas nos escombros. 

 

Membros do Exército e mergulhadores indianos ajudam nos trabalhos de resgate, que foram dificultados pelas más condições meteorológicas, informou o chefe do distrito de Kota, T. Ravikant. Segundo ele, alguns dos feridos estão em estado crítico.

 

O governador do Rajastão, Ashok Gehlot, visitou o lugar do acidente e anunciou o pagamento de indenizações de 200.000 rupias (US$ 4.300) para as famílias dos mortos e de 50.000 a 100.000 rupias (US$ 1.000 e US$ 2.100) para os feridos, segundo a agência "Ians".

 

A polícia investiga a causa do acidente. Dois engenheiros que trabalham no projeto estão sendo interrogados, disse o inspetor. A construção da ponte, de 1,4 quilômetro, começou em 2007, com um orçamento de 2,3 bilhões de rupias. A previsão era que terminasse em 2011.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Índiaacidentepontemortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.