Karim Salmoui/Efe
Karim Salmoui/Efe

Queda de torre em mesquita mata 36 e fere 71 no Marrocos

Incidente ocorreu durante oração mais importante da semana; vítimas ainda estão sendo socorridas

Efe e AP,

19 de fevereiro de 2010 | 17h32

Ao menos 36 pessoas morreram e 71 ficaram feridas devido a uma torre que caiu na mesquita de Bab Bardiyine, em Mequinez, cidade no centro de Marrocos, informaram nesta sexta-feira, 19, fontes oficiais.

 

A queda aconteceu durante a oração de sexta-feira, a mais importante da semana para os muçulmanos, o que aumentou o número de vítimas, de acordo com a agência oficial MAP.

 

Oficiais atribuíram o incidente às fortes chuvas que enfraqueceram a torre, de acordo com um comunicado oficial do Ministério do Interior.

 

O rei Mohammed VI enviou os ministros do Interior e o de Assuntos Religiosos à cidade, uma das quatro imperiais do Marrocos, a 120 km da capital Rabat.

 

Os funcionários visitaram os feridos, que foram levados a hospitais na localidade, cidade patrimônio da Unesco, e na cidade vizinha de Fes. Uma equipe de psicológos também foi mandada ao local. O rei ordenou a reconstrução da mesquita. 

 

Os fortes temporais que atingem a região do Marrocos nas últimas horas também causaram a morte de uma criança de 11 anos e deixaram vários membros de sua família feridos depois da casa em que viviam na região leste de Taza desabar.

 

Notícia atualizada às 20h41

Tudo o que sabemos sobre:
mesquitatorreMarrocosMequinez

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.