Reatores nucleares voltarão a funcionar

O primeiro-ministro do Japão, Yoshihiko Noda, disse ontem que o país deve religar dois reatores nucleares para proteger a economia japonesa. Desde o desastre nuclear em Fukushima no ano passado, os 50 reatores nucleares do Japão estão fechados para manutenção. O desastre fez com que a oposição à energia nuclear crescesse no Japão, mas hoje o país corre o risco de falta de energia nos próximos meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.