Rebeldes chechenos afirmam que um policial russo foi morto

O comando dos rebeldes chechenos que desde à noite desta quarta-feira mantém mais de 600 pessoas reféns em um teatro ao sul de Moscou informou que um agente da polícia russa foi morto próximo a entrada principal do edifício. Esta versão foi divulgada por um site dos separatistas na Internet (kavzah.org). Segundo o site, o policial não obedeceu a uma ordem dos rebeldes e foi morto a tiros.Os principais membros da força de segurança que estão comandando as negociações no teatro russo não confirmaram a morte do policial. Um pouco antes da notícia ser divulgada, uma colaboradora da Rádio Echo, de Moscou, que está em frente ao teatro, disse ter ouvido disparos aparentemente de uma porta de serviço do prédio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.