Rebeldes da Síria matam 5 soldados, dizem ativistas

Desertores mataram cinco soldados do Exército da Síria, em um confronto nesta segunda-feira na província de Homs, no centro do país, disseram ativistas. "Cinco soldados do Exército regular da Síria foram mortos e 13 outros feridos em um confronto com um grupo de desertores em um posto de controle na vila de Al-Ziraa", afirmou o Observatório Sírio pelos Direitos Humanos.

AE, Agência Estado

23 de janeiro de 2012 | 10h14

A ONG sediada no Reino Unido, em comunicado recebido na Nicósia, também afirmou que as forças de segurança haviam matado a tiros oito civis no domingo, cinco na região de Damasco, dois em Idlib, no noroeste sírio, e um em Homs.

O governo sírio rechaçou nesta segunda-feira o plano da Liga Árabe para que o presidente Bashar Assad transfira o poder para seu vice, após 10 meses de protestos contra o regime que custaram milhares de vidas, por causa da repressão das forças de segurança. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriapolíticaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.