Rebeldes líbios avançam por cidade petrolífera do leste

Maior parte de Brega já foi retomada pelos opositores de Kadafi; Misrata segue sob ataque

Agência Estado

04 Abril 2011 | 14h41

BREGA - Rebeldes líbios retomaram nesta segunda-feira, 4, grande parte da cidade petrolífera de Brega, que já mudou de controle várias vezes nas últimas semanas em meio aos combates contra as tropas do ditador Muamar Kadafi. Foram ouvidos vários disparos de artilharia feitos pelas forças de Kadafi, enquanto os rebeldes avançavam pela parte oeste da cidade. Mulheres e crianças têm fugido da cidade.

 

Veja também: 
especialLinha do Tempo: 
40 anos de ditadura na Líbia
blog Arquivo: Kadafi nas páginas do Estado
especialInfográfico:  A revolta que abalou o Oriente Médio

especialEspecial: Os quatro atos da crise na Líbia
especialCharge: O pensamento vivo de Kadafi

 

Com o começo dos bombardeios da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), os insurgentes líbios conseguiram avançar para o oeste, até a cidade de Sirte, onde foram rechaçados pelas forças de Kadafi, que partiram para uma nova ofensiva. Nesta quarta, o front estava no terminal petrolífero de Brega, no leste líbio.

 

As forças leais ao ditador continuam com ocerco a Misrata, única cidade no oeste líbio sob poder dos insurgentes. Durante o domingo, tropas do governo atacaram a cidade e atingiram um hospital, onde uma pessoa foi morta e outras 11 ficaram feridas. O cerco à cidade já dura mais de uma semana.

 

No domingo, um navio turco conseguiu embarcar 250 feridos em Misrata e transportá-los para Benghazi, onde funciona a capital do Conselho Nacional da Líbia, o governo insurgente que controla o leste. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.