Rebeldes maoístas atacam cidades no Nepal

Pelo menos 118 pessoas foram mortas quando rebeldes comunistas, buscando derrubar a monarquia constitucional do Nepal, atacaram duas remotas cidades, informou o Ministério da Defesa do país. Os combates, na noite de hoje, tornam ainda mais difícil a realização de conversações de paz para acabar com seis anos de insurgência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.