Rebeldes matam 2 soldados franceses na Costa do Marfim

Rebeldes dispararam contra tropas de paz francesas e mataram dois soldados na Costa do Marfim, o que marca as primeiras baixas da França em meio aos esforços de Paris para restaurar a paz em sua antiga colônia após 9 meses de guerra civil, disseram oficiais franceses nesta terça-feira.O general Pierre Michel-Joana, comandante dos 4 mil soldados destacados para a região, disse que as mortes ocorreram em uma zona de contenção onde não deveria haver armas, e qualificou o incidente de ?deplorável?. Embora o fim da guerra civil no país que é o maior produtor mundial de cacau tenha sido declarado em julho, a nação continua dividida entre o norte rebelde e o sul governista, e a tensão continua alta. Ainda ontem, foram detidos na França 10 suspeitos de participarem de um complô contra o governo marfinense.As mortes dos dois militares também ocorreram na segunda-feira, em uma vila de pescadores no centro do país, para onde tropas haviam sido deslocadas em barcos para separar os combatentes do norte e do sul.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.