Rebeldes matam 5 soldados estrangeiros no Afeganistão

Quatro soldados são canadenses e morreram em dois ataques com bombas nesta sexta-feira

EFE

21 de março de 2009 | 03h42

Pelo menos cinco soldados da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) morreram em vários ataques rebeldes no sul do Afeganistão, conforme informou neste sábado a organização em dois comunicados. Uma das notas diz que quatro deles são de nacionalidade canadense e morreram em dois ataques com bombas nesta sexta-feira.

 

O quinto soldado morreu também em uma "ação hostil", como diz o comunicado, no sul do país, embora a Isaf não tenha informado a nacionalidade dele à espera de que as autoridades comuniquem os pais da vítima.

 

Nos últimos dias, mais de 50 pessoas morreram vítimas da violência no país asiático, em sua maioria insurgentes talebans. O sul do Afeganistão é um dos tradicionais redutos dos insurgentes talebans, que lutam contra as tropas internacionais instaladas no país e contra o Governo afegão.

Tudo o que sabemos sobre:
CABULTALEBANISAF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.