Rebeldes matam 6 soldados da guarda nacional iraquiana

Um grupo armado abriu fogo contra um veículo em que viajavam recrutas da guarda nacional do Iraque, neste sábado. Seis oficiais morreram, informou a polícia. O ataque ocorreu momentos depois do veículo ter saído de um centro de recrutamento, no bairro de Al-Jamiyah, de onde os soldados haviam acabado de ingressar a guarda, disse o policial Omar Amed. Na quarta-feira, um ataque suicida explodiu um automóvel em frente a uma loja que oferecia serviços de fotocópias no mesmo bairro, onde vários candidatos organizavam a documentação para se recrutar. Pelo menos seis pessoas morreram e 54 ficaram feridas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.