Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Refém espanhola da Al-Qaeda na África é libertada

Uma funcionária de serviços humanitários sequestrada no fim do ano passado na Mauritânia por supostos militantes islâmicos foi libertada hoje, segundo o governo da Espanha. Dois colegas dela, porém, permanecem presos.

AE-AP, Agencia Estado

10 de março de 2010 | 14h03

Alicia Gamez, de 35 anos, já está em um avião para Barcelona após passar mais de três meses em cativeiro, afirmou a vice-primeira-ministra, Maria Teresa Fernández de la Vega, em entrevista coletiva. Ela disse que conversou com a voluntária, que é funcionária de uma corte em Barcelona, e informou que ela passa bem e que não houve pagamento de resgate pela libertação.

Alicia e dois colegas dela, do grupo Barcelona Acción Solidaria, foram sequestrados em 29 de novembro. Eles entregavam materiais para auxiliar vilas pobres da Mauritânia. Um braço da Al-Qaeda no norte da África reivindicou o ato. O governo espanhol tenta agora libertar os outros dois reféns, os empresários Roque Pascual e Albert Vilalta.

Tudo o que sabemos sobre:
sequestroespanholalibertaçãoÁfrica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.