Referendo de nova Carta gera confronto

Opositores e partidários do presidente Evo Morales entraram em choque anteontem à noite no Departamento (Estado) de Santa Cruz, depois que o Executivo anunciou a convocação, para 7 de dezembro, do referendo sobre a nova Constituição redigida pela Assembléia Constituinte. O texto da Carta foi aprovado em reunião fechada, sem participação da oposição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.