Reuters
Reuters

Refugiados sírios podem ser 185 mil até fim do ano

Crescente número de refugiados exige que comunidade internacional 'intensifique seu apoio'

AE, Agência Estado

28 de junho de 2012 | 14h34

GENEBRA - A agência de refugiados da Organização da Nações Unidas (ONU) disse que o número de refugiados que deixam a Síria pode dobrar e chegar a 185 mil até o final do ano.

Veja também:

linkTurquia envia comboio militar para fronteira com a Síria

linkTurquia diz que verá unidade militar síria como ameaça

tabela ESPECIAL: Refugiados

Funcionários a agência disseram que o número de refugiados que deixaram a Síria já chegou a 96 mil desde março, o que os forçou a refazer os projetos para ajudar essas pessoas, e além da quantidade de recursos necessária para atender suas necessidades.

O coordenador regional da agência para refugiados sírios, Panos Moumtzis, disse nesta quinta-feira em Genebra que o crescente número de refugiados exige que a comunidade internacional "intensifique seu apoio" e colabore com US$ 193 milhões, mais do que o dobro dos US$ 84,1 milhões pedidos pela agência em março para os fugitivos sírios.

Ele elogiou o Iraque, a Jordânia, o Líbano e a Turquia por sua "tremenda generosidade" ao disponibilizarem campos de refugiados e ajuda para essas pessoas.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.