Regime lança gás e espanca opositores

Forças de segurança do Bahrein lançaram ontem gás lacrimogêneo contra opositores do governo e os espancaram com barras de ferro. Dezenas ficaram feridos, afirmaram ativistas pelos direitos humanos. A violência aumentou na noite de domingo na cidade de Sitra, após o funeral de Sayyed Saeed, de 15 anos, que segundo a oposição foi morto ao ser atingido na cabeça por uma bomba de gás lacrimogêneo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.