Rei é criticado por caça de elefantes na África

O rei da Espanha, Juan Carlos I, é alvo de fortes críticas pela imprensa local por participar de caça de elefantes em Botswana em um momento de crise econômica em seu país. A imprensa criticou o custo da viagem e a falta de transparência da Casa Real, três meses após prometer apresentar suas receitas por um caso de corrupção envolvendo o enteado do rei. Na viagem, o rei tropeçou e fraturou uma costela.

O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2012 | 03h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.