Reino Unido diz que acordo sobre Síria é passo a frente

Londres, 14/09/2013 - O secretário de Relações Exteriores do Reino Unido, William Hague, disse neste sábado que o acordo fechado entre os Estados Unidos e a Rússia com o objetivo de acabar com as armas químicas na Síria é um "significativo passo a frente". Hague afirmou que agora "deve haver uma completa e imediata implementação" do acordo para assegurar a transferência das armas químicas para o controle internacional.

Agência Estado

14 Setembro 2013 | 13h45

O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, e o ministro das Relações Exteriores da Rússia anunciaram neste sábado terem chegado a um acordo sobre um plano para garantir a destruição das armas químicas na Síria até meados de 2014.

Hague disse que se encontrará com Kerry e o ministro das Relações Exteriores, Laurent Fabius, na segunda-feira, em Paris.

O Reino Unido tem sido um dos maiores críticos do presidente sírio Bashar Assad, mas o Parlamento votou no mês passado para que o país não participe de uma ação militar contra a Síria. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
REINO UNIDOSÍRIAACORDO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.