Reino Unido legaliza o casamento gay

O Reino Unido legalizou nesta quarta-feira o casamento gay, depois de a rainha Elizabeth II ter concedido o selo real de aprovação à medida, que abre o caminho para a realização dos primeiros casamentos entre pessoas do mesmo sexo.

Agência Estado

17 Julho 2013 | 12h25

Integrantes do Legislativo aplaudiram quando o presidente da Câmara dos Comuns, John Bercow, disse que o consentimento real havia sido concedido, um dia depois de o projeto de lei para a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo ter sido aprovado nos parlamentos da Inglaterra e do País de Gales.

A aprovação da rainha é uma formalidade e trata-se do último passo necessário para que o projeto se transforme em lei.

A lei permite que casais gays se casem em cerimônias civis e religiosas na Inglaterra e no País de Gales, contanto que as instituições religiosas concordem com a medida, apesar de a Igreja da Inglaterra, a Anglicana, ter sido proibida de realizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

A legislação também permite que casais que anteriormente estavam juntos por meio da união estável - possibilidade criada em 2005 - convertam a situação em casamento. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.