Represa das Três Gargantas deve chegar ao limite da capacidade na quarta

Chuvas do fim de semana quase transbordaram o reservatório do sul do país

BBC

27 de julho de 2010 | 09h31

 

PEQUIM - O governo da China anunciou nesta terça-feira, 27, que o nível da água na represa das Três Gargantas atingirá o máximo da capacidade nas próximas 24 horas, depois de a região sul do país sofrer com fortes chuvas no fim de semana.

 

A previsão é de que mais chuvas castiguem a área até quinta-feira. As águas do rio Yangtze, onde fica a represa, atingiram seu maior nível em 30 anos com as chuvas do fim de semana.

 

Desde a noite do domingo, funcionários da represa liberaram grandes fluxos de água para tentar ampliar a capacidade do reservatório. A previsão é que a capacidade máxima da represa seja atingida na manhã da quarta-feira, quando chegarem as próximas nuvens carregadas.

 

Ponte destruída

 

A força das águas de um rio destruiu uma ponte na província de Henan, no centro da China, incidente que deixou pelo menos 33 mortos. Segundo as autoridades locais, o nível da água estava muito alto - normalmente não passa de um metro - e o fluxo era 63 mais intenso que o normal.

 

O acidente ocorreu no sábado, mas foi reportado somente nesta terça-feira pela mídia local.

 

Segundo as autoridades chinesas, mais de 1.250 pessoas morreram por conta do mau tempo que castiga o país. As perdas econômicas são estimadas pelo governo em cerca de US$ 22 bilhões.

Tudo o que sabemos sobre:
Três GargantasChinachuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.