Republicano vence eleição em NY, em revés para Obama

Bob Turner derrotou Dave Weprin na eleição para Câmara dos Representantes dos Estados Unidos

AE, Agência Estado

14 de setembro de 2011 | 09h13

NOVA YORK - Um empresário republicano venceu uma eleição especial para a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, em um importante revés para o presidente Barack Obama antes das eleições presidenciais de 2012. A vitória da oposição ocorreu em Nova York, área tradicionalmente favorável ao Partido Democrata de Obama.

Republicanos apresentaram a corrida por uma cadeira no Congresso como um referendo sobre Obama. A popularidade do presidente caiu entre os norte-americanos, cada vez mais frustrados com a dificuldade na recuperação econômica e o desemprego em 9%.

A emissora de televisão NY1 informou no início da quarta-feira que Bob Turner havia derrotado o democrata Dave Weprin na eleição para preencher a vaga de Anthony Weiner, que renunciou após um escândalo sexual. Segundo a emissora, Turner obteve 53% dos votos, enquanto Weprin registrava 47%, com 80% dos votos apurados. Com isso, o republicano garantiu a primeira vitória de seu partido em um distrito do Queens e do Brooklyn desde 1923.

"Esta é uma disputa histórica. O povo desse distrito nos pediu para enviar uma mensagem a Washington e espero que eles ouçam isso com clareza", disse Turner em seu discurso de vitória. "Nós estamos prontos a dizer: ''Sr. Presidente, estamos no caminho errado.''

Weiner renunciou em junho, após a revelação de que ele enviava fotos eróticas para mulheres que conheceu na internet. O partido de Obama sofreu uma derrota humilhante, em um distrito onde os eleitores registrados do Partido Democrata superam os do Partido Republicano na proporção de três para um.

A aprovação de Obama está em 45%, principalmente pelos problemas na economia. O presidente se prepara para buscar a reeleição em novembro de 2012.

 

As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
EUAeleição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.