Resgatada tripulação de bombardeiro acidentado

Os quatro tripulantes do bombardeiro B1 americano que caiu hoje no Oceano Índico foram resgatados por um helicóptero da Marinha, informaram autoridades. O bombardeiro B-1, da Força Aérea norte-americana, caiu hoje no Oceano Índico a cerca de 45 km ao norte da ilha britânica de Diego Garcia, que tem servido de base para as missões de bombardeiros B-1 e B-52 dos EUA no Afeganistão. O B-1, produzido pela Rockwell International, é um bombardeiro supersônico com capacidade de não ser detectado por radares inimigos e autonomia de vôo intercontinental. Normalmente, um avião desse modelo leva quatro tripulantes. Cada aparelho vale mais de US$ 200 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.