Resgate declara mortos 29 chineses presos em mina

Os 29 mineiros presos há 10 dias numa mina de ferro inundada na região autônoma da Mongólia Interior, no norteda China, foram declarados mortos após o fim das operações de resgate, informou nesta sexta-feira a agência estatal Xinhua.O acidente aconteceu dia 17 de janeiro, por causas ainda não esclarecidas, quando 46 mineiros mudavam o turno na mina de Haolaigou, que emprega cerca de 100 pessoas. Onze deles conseguiram escapar. Seis foram resgatados no dia seguinte e hospitalizados, e receberão uma indenização de US$ 640, segundo a companhia mineradora.As indenizações para os parentes dos mortos ainda não foramfixadas. O proprietário da mina, que foi aberta em 2001, está sob custódia policial enquanto dura a investigação.Segundo números oficiais, a Mongólia Interior teve 84 acidentes em minas em 2006, com 124 mortes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.