Restos da imperatriz Maria Romanov chegam à Rússia

Os restos mortais da imperatriz Maria Fiodorovna Romanov, um dos membros mais importantes da família imperial russa, chegaram da Dinamarca àbase russa de Kronstadt, às margens do Mar Báltico, onde será realizada a cerimônia dos funerais.Mãe de Nicolau II, último czar da Rússia, na próxima quinta-feira Maria Fiodorovna Romanov será enterrada, segundo sua última vontade, junto ao seu marido, o czar Alexandre III. A embarcação Esben Snare, da Marinha dinamarquesa, saiu de Copenhague e chegou à base russa às 6 horas (23 horas de segunda-feira, emBrasília). Ela foi escoltada pelo navio russo Neustrashimiy, da Frota do Báltico. Em Kronstadt, a Marinha russa recebeu os restos da imperatriz com uma salva de 31 tiros de artilharia. O caixão da imperatriz, escoltado por uma guarda de honra, será levado ao palácio de Peterhoff, nos arredores da antiga capitalimperial, e instalado na igreja de Santo Alexandre Nevski, onde permanecerá em câmara ardente até Quinta-feira. O patriarca russo, Alexei I, vai presidir a cerimônia de enterro em 28 de setembro, na Catedral da Fortaleza de São Pedro e SãoPaulo, às margens do Rio Neva, onde fica o mausoléu dos Romanov.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.